Suzano compra Facepa por R$ 310 milhões

Companhia adquirida tem fábricas em Belém (PA) e Fortaleza (CE)

A Suzano Papel e Celulose fechou acordo para a aquisição de 92,8 por cento do capital social total e de 99,99 por cento do capital social ordinário da Facepa Fábrica de Papel da Amazônia, por 310 milhões de reais, sujeito a ajustes, confirmou a empresa ao BVMI hoje.

A Facepa produz e comercializa toalhas de papel, guardanapos, fraldas, papel higiênico e lenços de papel sob diversas marcas, entre outros produtos, e tem fábricas em Belém (PA) e Fortaleza (CE), com capacidade instalada de aproximadamente 50 mil toneladas ao ano.

“A operação de aquisição em questão está, assim, alinhada aos objetivos da Suzano de expansão de suas atividades para os mercados de produtos adjacentes à celulose e contribui para as operações da unidade de negócios de bens de consumo da companhia no segmento de tissue”, informou a empresa.

Lembrando que o especialista em vendas industriais Licio Melo já confirmou que o Grupo Suzano possui um projeto, já aprovado pela diretoria para a instalação de uma nova planta fabril em território brasileiro, como você já leu aqui no BVMI, GRUPO SUZANO PLANEJA INVESTIR EM NOVA FÁBRICA.

A FACEPA (Fábrica de Papel da Amazônia S.A) foi construída em 1958. Inicialmente, ela se chamava INPAL Indústria de Papel da Amazônia Ltda.), onde era fabricado – quase artesanalmente, papel estiva – utilizado para embalagens e embrulhos nos comércios de balcão da época.

Com o tempo, a empresa modernizou-se e diversificou a sua linha de produção. A aquisição de novos equipamentos, novas tecnologias, o aumento da estrutura da fábrica e a criação de novos produtos fizeram com que a FACEPA ganhasse destaque nacional e internacional, devido a sua inovação empresarial. Atualmente a Facepa é a maior fabricante de papeis do Norte e Nordeste do Brasil.

Fonte – BVMI – Camila Cocielo – Reuters

Dica do BVMI – Trabalhe na FACEPA, acesse “Trabalhe conosco”, veja as oportunidades em aberto, cadastre seu CV, desejamos a todos boa sorte nos negócios e em seu processo de recolocação!

#industrialsales
#vendasindustriais
@LicioMelo

Compartilhe essa notícia com seus contatos: