Com investimento de R$ 400 milhões fundo deve comprar Inepar/Iesa

Projeto deve injetar investimentos de US$ 80 bilhões em dez anos e gerar seis mil empregos

A venda da Inepar de Araraquara, empresa controladora da Iesa, deve se concretizar nos próximos dias. O Parque Industrial está prestes a ser vendido para um fundo de investimentos europeu pelo valor de R$ 400 milhões e o compromisso de investimento é da ordem de US$ 80 bilhões em dez anos.

O grupo estuda comprar a metalúrgica e transformá-la em um celeiro de empresas da Rússia, Bielorrússia, China e Alemanha. No total, 16 empresas devem trabalhar no local e gerar três mil empregos imediatos e contabilizar seis mil contratações nos próximos dois anos.

“Acreditamos na implantação do projeto em todas as partes do território nacional, o que deve gerar cerca de 150 mil empregos novos, para a execução de projetos, a partir do que foi fabricado em Araraquara”, explica Paulo de Tarso, representante do Fundo de Investimentos.

Ainda de acordo com Tarso, a empresa deve atuar inicialmente na fabricação e processamento de lixo sólido e urbano, depois a fabricação de tratores para o agronegócio e, em terceiro, a fabricação de uma usina termossolar – uma tecnologia exclusiva da Harbin, da China de uma empresa espanhola.

“Queremos programar a fabricação no Brasil para fazer a locação para reduzir custos de implantação de geração de energia, tendo uma economia significativa nos custos da iluminação pública”, destaca o representante.

Antes de dar início ao trabalho no País, a empresa foi em busca de demandas. Até o momento, o grupo fechou contrato com 16 estados brasileiros. Todos foram encaminhados para a área de contratação.

A confiança na compra permitiu que o grupo já colocasse os equipamentos para embarque na Bielorrússia e na China, devendo chegar ao Brasil em maio deste ano.

Ainda de acordo com Tarso, a intensão é assinar mais acordos bilaterais com o Governo, no sentido de implementar projetos idealizados pelo próprio Ministério da Agricultura, que tem antigos projetos parados.

“Estamos chegando ao Brasil em um momento de desenvolvimento social, que visa a segurança do emprego e da vida familiar”, ressalta.

O acordo de compra é válido para 70% da Iesa, já que os outros 30% foi adquirida pela indústria austríaca Andritz Hydro, por meio de um leilão judicial.

O especialista em vendas industriais, Licio Melo, informa que a movimentação de investimento industrial no mercado brasileiro vem aumentando de forma exponencial após a definição eleitoral no País.

Segundo ele “o radar de investimentos industriais da CityCorp vem confirmando essa tendência desde novembro de 2018, e que o mercado alvo da Inepar deverá ter uma demanda expressiva nos próximos cinco anos.”

Ainda de acordo com Licio, o portfólio de clientes industriais ativos da CityCorp já ultrapassou o faturamento de US$ 200 milhões nos primeiros dois meses de 2019, isto confirma uma tendência positiva no processo de vendas industriais sem precedentes para um primeiro trimestre.

O especialista finaliza dizendo que em 2012 a Inepar atingiu uma Receita Bruta de R$ 2 bilhões e que se o fundo investidor conseguir um bom gestor a companhia com certeza deverá dar um salto em seu faturamento saindo da atual situação em que se encontra.

Por estar localizada próxima do novo contorno ferroviário, do pátio de trens de Tutóia e por ter uma linha férrea dentro da fábrica, a unidade da Iesa em Araraquara também poderia ser utilizada como uma espécie de porto seco para armazenamento e distribuição de uma infinidade de produtos.

A Iesa está hoje em processo de recuperação judicial. Isso lhe assegura o direito de continuar operando com o objetivo de superar a dificuldade financeira, manter a fonte produtora para a quitação dos débitos, garantir o emprego dos funcionários e condições especiais para a quitação das dívidas.

Essa situação também garante o direito da empresa de promover cisão, incorporação, fusão ou transformação de sociedade com o objetivo de facilitar os meios para que a indústria saia do vermelho.

Desde 2014 centenas de funcionários foram demitidos da Iesa que chegou a ter quase dois mil trabalhadores.

Atualmente estima-se que o quadro de metalúrgicos não ultrapasse os 500 e, ainda assim, eles sofrem com os problemas financeiros da indústria que constantemente atrasa salários e benefícios.

FonteBVMI – Leandro Munhoz – Gabriela Martins/ACidadeON-Araraquara

Dica de negócios – Clientes CityCorp já faturaram no primeiro mês de 2019 mais de US$ 160 milhões. Isto porque acompanham este e dezenas de outros investimentos com antecedência e estão realizando excelentes negócios na cadeia de fornecedores formada para atender as necessidades deste novo complexo industrial. Este e mais de 18 mil investimentos industriais estão à disposição de nossos clientes ativos, conheça o Projeto OObi e venda com relacionamento, inteligência e rentabilidade no mercado industrial.

Dica de OURO – Aprenda a VENDER no mercado Industrial, inscreva-se e leve toda sua equipe para o único Treinamento OPEN de 2019 o Quick Trainning VENDA INDUSTRIAL 4.0 + Inteligência Preditiva Industrial e faça seu negócio faturar milhões.

#industrialsales
#vendasindustriais
@LicioMelo

Compartilhe essa notícia com seus contatos: