Indústria indiana investirá R$ 97 milhões em nova fábrica

Companhia vai fabricar componentes para motor e deve contratar 250 pessoas em três anos

A Precision Camshafts Limited (PCL), empresa indiana de componentes automotivos, confirmou ao BVMI que irá montar a sua primeira fábrica fora da Ásia em Santa Gertrudes (SP).

A planta deverá estar pronta em junho e irá receber investimento de US$ 30 milhões, cerca de R$ 96,7 milhões. Cerca de 250 funcionários devem ser contratados até o terceiro ano de operação, 70 deles até o final de 2018.

Atualmente, a PCL tem oito fábricas na Índia e duas na China que têm como principal produto eixos de comando de válvula.

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo, a decisão de vir para o Brasil foi estimulada pela General Motors, que solicitou a nacionalização da fábrica para que possa lançar uma nova linha de motores.

No projeto da empresa em Santa Gertrudes também está previsto uma plataforma de fornecimento de peças que atenda fabricantes de motor em outros países da América Latina, principalmente o México.

O principal produto vendido pela PCL em todo o mundo são eixos de comando de válvula. Atualmente, eles são produzidos em fábricas na China e na Índia. A decisão de vir para o Brasil e o ocidente faz parte de um novo plano de expansão da empresa.

O BVMI também confirmou que no projeto da PCL existem outros objetivos, tais como iniciar, em Santa Gertrudes, uma plataforma de fornecimento de peças que atenda fabricantes de motor em outros países da América Latina, principalmente o México.

No início, apenas eixos de comando serão fabricados, com amostras prontas já antes do final do ano. Mas, de acordo com a reação do mercado, é possível que outras linhas de produção também sejam trazidas para o Brasil no futuro.

Fonte – BVMI – Licio Melo

Dica do BVMI – Trabalhe na PCL INDIA, acesse “Careers at PCL”, veja as oportunidades em aberto, cadastre seu CV, desejamos a todos boa sorte nos negócios e em seu processo de recolocação!

#industrialsales
#vendasindustriais
@LicioMelo

Compartilhe essa notícia com seus contatos: