Prysmian fecha contrato de R$ 30 milhões com Eletropaulo

A Prysmian Brasil, fornecedora de cabos e sistemas para setores de energia e telecomunicações, fechou com a distribuidora de energia Eletropaulo um contrato de R$ 30 milhões para a implantação de um sistema subterrâneo na cidade de São Paulo.

Segundo a fabricante, a linha subterrânea terá cerca de 2,9 quilômetros de cabos de alta tensão, totalizando 18 quilômetros de cabeamento, e vai ligar a região do Ipiranga à Vila Mariana. A conclusão da obra está prevista para outubro de 2018.

O contrato com a Prysmian, ainda segundo a companhia, inclui fornecimento de materiais, equipamentos técnicos para obras civis, montagem eletromecânica, testes e comissionamento da linha.

Em nota, o diretor da divisão de energia da Prysmian, João Carro Aderaldo, disse que é possível notar uma retomada gradual dos investimentos no setor.

“Apesar do pequeno número de redes subterrâneas, acreditamos em um crescimento importante nos investimentos nesses projetos nos próximos anos”, disse.

A Prysmian está presente comercialmente em todo o Brasil e América Latina e conta com mais de 1.000 colaboradores, que são responsáveis pela produção de aproximadamente 60 mil toneladas de cabos por ano.

No Brasil, com 25% de market share, a empresa possui sete unidades fabris localizadas em Santo André, Sorocaba (três fábricas), ambas no estado de São Paulo, Vila Velha e Cariacica situadas no estado do Espírito Santo e em Joinville, no estado de Santa Catarina.

Seus principais produtos são fios e cabos elétricos, acessórios e serviços direcionados para os segmentos de transmissão e distribuição de energia, construção civil, indústria em geral, indústria automobilística, extração de petróleo, telecomunicações, transmissão de dados e fibras ópticas.

Fonte – BVMI – Camila Maia/Valor

Dica do BVMI – Trabalhe no Grupo Prysmian, acesse “Carreira”, veja as oportunidades em aberto, cadastre seu CV, desejamos a todos boa sorte nos negócios e em seu processo de recolocação!

#industrialsales
#vendasindustriais
@LicioMelo

Compartilhe essa notícia com seus contatos: